Filádelfia – Philadelfia

Promissor advogado (Tom Hanks) que trabalha para tradicional escritório da Filadélfia é despedido quando descobrem ser ele portador do vírus da AIDS.

Ele contrata os serviços de um advogado ( Denzel washington), que é forçado a encarar seus próprios medos e preconceitos.

O filme que rendeu um Oscar de melhor ator para Tom Hanks, e não era pra menos, como sempre ele arrebentou na atuação, a personagem de Hanks (Andrew Beckett) um advogado que tem talento mais descobre em plena ascensão da carreira ser portado do HIV, e é despedido sem muitas desculpas da firma, Denzel Washington caiu perfeitamente como o advogado que aceita a causa de Beckett, só que ao decorrer do filme se mostra preconceituoso, Becktt alem de portador da AIDS é homossexual, o caso não é uma causa praticamente ganha, o estado e completamente dividido entre os manifestantes contra o preconceito a homossexualidade e os conservadores, que carregam a ideia de que o estilo de vida levado pelo protagonista que o levou a sua condição.

Poucos dias antes do final do Julgamento Andrew Beckett tem seu estado de saúde agravado, e é ai que apresenta a cena mais espetacular do filme, que confesso que tive que conter minhas lágrimas, Joe Miller (Denzel Washington) vai até o apartamento de seu cliente para uma festa a fantasia, onde não esconde não estar muito a vontade no meio de vários homossexuais, nessa festa é apresentado ao companheiro de seu cliente (Antônio Bandeiras mais uma vez mostrando a experiencia que tem de ser um passivo), no final da festa os dois se reúnem para passar o depoimento de Bekett no próximo dia que será decisivo para o caso, mas Bekett começa um monólogo sobre as suas óperas favoritas, enquanto a cantora está como plano de fundo soltando a bela voz, ele narra a história que vai sendo contada, prendendo a atenção de Miller, que percebe ali naquele momento que o preconceito já foi superado, e que o amor, sempre o amor, não importa de que forma venha, como venha, e de que gênero venha, sempre será amor, e sempre será intenso.

 

 

Gênero: 

Direção:Jonathan Demme

Roteiro:Ron Nyswaner
Elenco:Elizabeth Roby (Elizabeth Beckett); Roberta MaxwellRobert W. Castle (Robert Castle), Tom Hanks (Andrew Beckett), Denzel Washington (Joe Miller), Antonio Banderas (Miguel Alvarez)
País de Origem: Estados Unidos da América
Estreia Mundial: 23 de Dezembro de 1993

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s